Blog

Listamos 74 países COM e SEM restrições para viagens de brasileiros

países com e sem restrições para viagens de brasileiros
Atualizado em agosto de 2021. Conheça agora os principais países com e sem restrições para viagens de brasileiros nos continentes Americano, Europeu, Africano, Asiático e Oceania.

Compartilhe está página

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Gradualmente as restrições de viagem estão sendo retiradas e governos iniciam uma reabertura progressiva das fronteiras. Conheça o posicionamento de cada país para receber os brasileiros. Atenção, essas regras listadas poderão sofrer alterações sem prévio aviso!


A lista de países com e sem restrições para viagens estará em ordem alfabética e organizados por continente, veja abaixo:


AMÉRICAS


1 – Antígua e Bermuda
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem formulário de saúde preenchido na chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 3 dias antes da chegada. Todos estão sujeitos a passar por um exame médico e serem submetidos a quarentena.

2 – Anguilla
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem uma permissão obtida no site oficial do turismo de Anguila, resultado negativo para um teste RT-PCR feito com 3 antes da chegada e comprovante de vacinação completa há pelo menos 21 dias com Pfizer, AstraZeneca, Janssen ou Moderna. Os menores de 18 anos e as gestantes não precisam apresentam o comprovante de vacinação.

3 – Argentina
A ministra da Saúde da Argentina, Carla Vizzotti, anunciou hoje (21), durante uma coletiva de imprensa, a abertura das fronteiras do país para todos os turistas estrangeiros a partir de 1º de novembro. Poderão entrar pessoas vacinadas ou não, contanto que cumpram as regras estabelecidas.

Em 1º de outubro será autorizada a entrada de estrangeiros de países vizinhos sem isolamento, ou seja, brasileiros. Também ocorrerá a abertura das fronteiras terrestres a pedido dos governadores, com corredores seguros homologados pela autoridade sanitária com cota definida pela capacidade de cada jurisdição.

E, entre 1º de outubro e 1º de novembro, haverá um aumento progressivo da cota de entrada em todos os corredores, aeroportos, portos e terras seguras.

Além disso, a partir de sexta-feira (24/09), será eliminada a necessidade de isolamento de argentinos, residentes e estrangeiros que venham a trabalho e sejam autorizados pela autoridade de imigração.

VISITANTES VACINADOS
Para entrar na Argentina, os viajantes vacinados terão de:
Apresentar comprovante de vacinação, com esquema vacinal completo – todas as vacinas aplicadas no Brasil, incluindo a Coronavac, são aceitas –, com data da última aplicação pelo menos 14 dias antes da chegada ao país;
Apresentar um resultado negativo de teste PCR feito pelo menos 72 horas antes do embarque ou realizar teste antígeno ao chegar no país;
Realizar um teste PCR na Argentina entre cinco e sete dias após a chegada no território argentino.

VISITANTES NÃO VACINADOS
Os visitantes que ainda não estiverem vacinados (incluindo menores) também poderão entrar sem problemas no país, mas terão de seguir regras um pouco diferentes:
Apresentar um teste PCR negativo feito com, pelo menos, 72 horas de antecedência ao embarque do voo para a Argentina;
Realizar um teste antígeno na chegada ao aeroporto argentino;
E realizar quarentena de sete dias, além de um teste PCR ao final deste período de isolamento.
No momento em que o país atingir 50% da população completamente vacinada, o teste de antígeno não será mais realizado na admissão (exceto para aqueles não vacinados) e PCR nos dias cinco e sete. Dessa forma, o impacto do aumento de internações e óbitos é minimizado.



4 – Aruba
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem seguro-viagem da ilha, formulário preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR feito entre 12 e 72 horas antes do embarque.

5 – Bahamas
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que solicitem o Bahamas Travel Health Visa e apresentem resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo cinco dias antes da chegada. Os viajantes que não foram totalmente vacinados com Pfizer, AstraZeneca, Janssen ou Moderna deverão realizar um novo teste no 5º dia de viagem, cujo preço já está incluído no pagamento do Bahamas Travel Health Visa.

6 – Barbados
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cumpram quarentena de 7 dias em uma acomodação designada pelo governo. Um teste RT-PCR será feito no oitavo dia e o isolamento será necessário até que o resultado negativo seja confirmado. Além disso, é necessário apresentar formulário de saúde preenchido na chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do embarque. O aplicativo BIMSafe deve ser baixado e usado para rastreamento do viajante nos primeiros sete dias.

7 – Belize
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem o QR Code gerado pelo aplicativo Belize Health Travel e reservem uma das acomodações aprovadas pelo governo. Os passageiros que já tiverem sido totalmente vacinados há pelo menos 14 dias com Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna, Sinopharm ou Sinovac estão isentos de apresentar resultado negativo para a Covid-19. Caso contrário, é necessário um teste RT-PCR realizado no máximo 96 horas antes do embarque ou um teste rápido de antígeno realizado no máximo 48 horas antes do embarque.

8 – Bolívia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cumpram quarentena de 10 dias e apresentem formulário de saúde preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque. Todos deverão realizar um novo teste no 7.º dia de viagem, à custa do próprio passageiro, e permanecer em isolamento até que o resultado negativo seja confirmado.

9 – Canadá
Para entrar no Canadá os visitantes estrangeiros terão de apresentar:
1 – Certificado de vacinação (o processo terá de estar 100% concluído), com as vacinas aceitas no país: AstraZeneca (incluindo a Covishield, fabricada no Brasil), Janssen, Pfizer e Moderna. A Coronavac por enquanto não é aceita.
2 – Apresentar teste negativo PCR ou molecular para covid-19, feito até 72 horas antes do embarque.
3 – Visto canadense.
4 – Baixar o app ArriveCan, responder as perguntas de entrada, e aguardar a aprovação.


10 – Chile
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

11 – Colômbia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido na chegada à imigração.

12 – Costa Rica
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem o QR Code gerado pelo Pase de Salud, que deve ser preenchido antes do embarque, e comprovante de seguro de viagem com cobertura para Covid-19.

13 – Cuba
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que paguem uma taxa sanitária de US$ 30 e apresentem a Declaración de Sanidad del Viajero preenchida e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque. Todos que ainda não foram vacinados devem cumprir quarentena de 10 dias na chegada, sendo que um novo teste será realizado no 5º dia, à custa do próprio viajante, e o isolamento será necessário até que o resultado negativo seja confirmado.

14 – Curaçao
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem o Digital Immigration Card e o Passenger Locator Card preenchidos pelo menos 48 horas antes do embarque e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque. Todos deverão realizar um teste de antígeno no 3.º dia de viagem.

15 – Equador
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cumpram quarentena de 10 dias e apresentem um formulário de saúde preenchido na imigração e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes da chegada. Os passageiros que já tiverem sido totalmente vacinados com Pfizer, AstraZeneca ou Sinovac estão isentos de apresentar resultado negativo para a Covid-19.

16 – Estados Unidos
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que não tenham passado os últimos 14 dias no Brasil, Áustria, Bélgica, China, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irã, Irlanda, Itália, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça ou Reino Unido. Caso tenham passado, será obrigatório fazer quarentena de 14 dias em um terceiro país. Por esse motivo, muitos viajantes estão passando duas semanas em países fora dessa lista antes de seguir para os Estados Unidos. Além disso, é necessário apresentar um formulário de divulgação e atestado preenchido antes do embarque e resultado negativo para um teste RT-PCR ou de antígeno feito no máximo 72h antes do embarque.
* Para saber como tirar o visto americano, clique aqui.

17 – Guatemala
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que não tenham passado os últimos 14 dias no Brasil, África do Sul ou Reino Unido e apresentem formulário preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes da chegada. Os viajantes que já tiverem sido vacinados com AstraZeneca ou Moderna estão isentos de apresentar resultado negativo para a Covid-19. Todos os passageiros estão sujeitos a cumprir quarentena de 10 dias às próprias custas.

18 – Ilhas Turca e Caicos
As Ilhas Turcas e Caicos no Caribe estão abertas para brasileiros que estejam totalmente vacinados, sendo a segunda dose ou a dose única aplicada no mínimo 14 dias antes da chegada. As vacinas aceitas são: Janssen, Pfizer, Moderna, AstraZeneca, Comirnaty, Spikevax e Vaxzevria. Os turistas devem apresentar comprovante de vacinação por meio do sistema “TCI Assured” o qual também contem o questionário de saúde a ser preenchido pelo passageiro antes de desembarcar. Além disso, mesmo os vacinados devem apresentar resultado negativo de teste RT-PCR, obtido em até três dias antes da viagem, e seguro médico com cobertura para covid-19.

19 – Jamaica
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que não tenham passado os últimos 14 dias no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Índia, Paraguai, Peru ou Trinidad e Tobago. Além disso, é necessário apresentar uma autorização de viagem e resultado negativo para um teste RT-PCR ou de antígeno feito no máximo 72 horas antes do embarque. Todos os passageiros estão sujeitos a passar por um exame médico e cumprir uma quarentena de 14 dias na chegada.

20 – México
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem o Cuestionario de Identificación de Factores de Riesgo en Viajerosi preenchido na chegada à imigração.

21 – Panamá
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentam a Declaración Jurada de Salud preenchida e resultado negativo, em inglês ou espanhol, para um teste RT-PCR ou de antígeno realizado no máximo 72 horas antes dos embarque. Todos os passageiros estão sujeitos a cumprir quarentena de 3 dias, ao final do período um novo teste será feito, se o resultado for positivo o isolamento será prorrogado por mais 14 dias. Aqueles que apresentarem certificado comprovado a vacinação completa estão dispensados de cumprir quarentena.

22 – Paraguai
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que não tenham passado os últimos 14 dias no Reino Unido. Além disso, é necessário apresentar o Traveler’s Health Information preenchido até 24 horas antes do embarque e resultado negativo para um teste RT-PCR ou de antígeno realizado no máximo 72 horas antes dos embarque. Todos os passageiros vindos do Brasil estão sujeitos a cumprir quarentena de 5 dias.

23 – Peru
Peru está aberto para passageiros provenientes do Brasil (que estejam vacinados ou não). Por meio do Decreto Supremo 151-2021-PCM, publicado no Diario Oficial El Peruano, passageiros provenientes do Brasil não necessitam mais realizar uma quarentena na chegada ao país, continuando vigente essa exigência apenas para aqueles que estiveram na África do Sul nos últimos 14 dias. O certificado de vacinação deverá ser apresentado.

Se você não tiver uma pauta de vacinação completa, terá que apresentar um teste PCR feito no mínimo 72 horas antes da partida do voo, além de preencher o formulário de saúde do governo.

Já para quem está completamente vacinado, o teste PCR não será necessário, bastando preencher o formulário de saúde do governo e apresentar um certificado de vacinação. São aceitos os seguintes imunizantes:

  • Moderna
  • Pfizer/BioNTech, disponível no Brasil
  • Janssen (Johnson & Johnson), disponível no Brasil
  • Oxford AstraZeneca
  • Serum Institute of India – Covishield (fórmula da Oxford/AstraZeneca) – também fabricada e aplicada no Brasil
  • Sinopharm (China) – BB|BP-CorV (vero Cells)
  • Sinovac – CoronaVac – também fabricada e aplicada no Brasil.

NÃO VACINADOS

Passageiros não vacinados maiores de 12 anos devem apresentar teste negativo RT-PCR feito até 72 horas antes da saída do voo. Menos de 12 anos devem apresentar apenas um atestado médico de boa saúde. A declaração juramentada e a autorização de geolocalização continuam sendo obrigatórias: e-notificacion.migraciones.gob.pe/dj-salud/.


24 – Porto Rico
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem comprovante de vacinação, formulário Travel Safe preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes dos embarque.

25 – República Dominicana
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem o QR Code gerado pelo Electronic Ticket, que deve ser preenchido antes da chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque. Os viajantes que já tiverem sido vacinados há pelo menos 21 dias são isentos de apresentar o resultado negativo para a Covid-19.

26 – Uruguai
Brasileiros plenamente vacinados e que tiverem propriedades no país poderão entrar a partir de setembro. A partir do dia 1º de novembro as fronteiras devem ser abertas para turistas vacinados. As autoridades uruguaias informaram que seguirão exigindo teste RT-PCR para entrar no país.

27 – Venezuela
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 48 horas antes do embarque. Um segundo teste será administrado na chegada (o pagamento de US$ 60 deve ser feito pelo próprio viajante e em dinheiro).

EUROPA


28 – Alemanha
Estão autorizados a viajar para a Alemanha apenas passageiros totalmente imunizados de acordo com as diretrizes estabelecidas pelas autoridades alemãs, ou seja, com vacinas reconhecidos no país alemão – medida anterior permitia a entrada de turistas sem o esquema vacinal completo (ou que tomaram Coronavac), apresentando apenas um teste PCR negativo.

São consideradas totalmente vacinadas pessoas que tenham tomado há, no mínimo, 14 dias as duas doses (ou dose única, se for o caso) das vacinas aceitas pelo Paul Ehrlich Institut:
BioNTech/Pfizer;
Moderna;
AstraZeneca;
Janssen/Johnson & Johnson.

Tais passageiros deverão apresentar o comprovante de vacinação (impresso ou digital) no momento do check-in nos idiomas inglês, alemão, espanhol, italiano ou francês. Certificados em português não serão aceitos, mas é possível gerar uma versão em inglês do documento nos aplicativos ConecteSUS.


29 – Áustria
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

30 – Bélgica
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que estejam plenamente vacinados e apresentem certificado de vacinação válido, o que não inclui o obtido através do Conecte SUS. Os certificados digitais aceitos são os emitidos pela União Europeia ou um certificado de um país terceiro considerado equivalente pela Bélgica através de acordos bilaterais, mais informações aqui. As vacinas aceitas são as aprovadas pela Agência Europeia de Medicamentos (Astrazeneca, Janssen, Moderna e Pfizer) ou a Covishield. A segunda dose ou a dose única, no caso da Janssen, deve ter sido aplicada pelo menos duas semanas ante da viagem. Além disso, é necessário preencher o “Formulário de Localização de Passageiro” até 48 horas antes da chegada no país.

31 – Croácia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem resultado negativo em teste RT-PCR realizado até 48h antes da chegada e preencham os formulários “Enter Croatia Form” (a ser submetido online antes da partida) e “Passenger Locator Form” (a ser apresentado na chegada). Passageiros devem ter acomodação confirmada e estão sujeitos a quarentena obrigatória de 14 dias, que poderá ser reduzida mediante resultado negativo em teste RT-PCR no 7.º dia de isolamento.

32 – Espanha
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem o QR Code gerado pelo site do governo e um dos três documentos a seguir: comprovante, em espanhol, de vacinação completa há pelo menos 14 dias com Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna e CoronaVac (em espanhol); resultado negativo, em inglês, para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes da chegada ou de antígeno feito há 48 horas; ou laudo médico com diagnóstico positivo para a Covid-19 nos últimos seis meses. Além disso, todos os passageiros estão sujeitos a passar por um exame médico na chegada ao país.

33 – Finlândia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um dos três documentos a seguir: comprovante, em inglês, de vacinação completa há pelo menos 14 dias com Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Sinopharm e CoronaVac; resultado negativo, em inglês, para um teste RT-PCR ou de antígeno realizado no máximo 72 horas antes da chegada; ou laudo médico com diagnóstico positivo para a Covid-19 nos últimos seis meses. Além disso, todos os passageiros deverão passar por um exame médico na chegada ao país.

34 – França
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem comprovante de vacinação com a dose única da Janssen há pelo menos 28 dias ou com a segunda dose da Pfizer-BioNTech, AstraZeneca (Covishield ou recombinante) e Moderna há pelo menos sete dias.

35 – Grécia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

36 – Holanda
Viajantes vindos de países de “área de risco muito alto – sem preocupação de variantes” (lista que o Brasil se enquadra desde 4 de setembro de 2021) deverão apresentar um certificado de vacinação mostrando que foi totalmente vacinado com uma vacina aprovada pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) ou pela Organização Mundial de Saúde (OMS);

Apresentar um teste negativo para COVID-19 (mesmo para quem está vacinado), com a coleta realizada em no máximo 48 horas antes do embarque;

Realizar uma quarentena de 10 dias* (mesmo para quem está vacinado), com algumas exceções
Preencher o formulário ‘Vaccine Declaration COVID-19’;

Preencher uma Declaração de Saúde através desse formulário;

Lista de vacinas aprovadas:
Astra Zeneca EU (Vaxzevria) ;
Astra Zeneca – Japan (Vaxzevria);
Astra Zeneca – Australia (Vaxzevria);
Astra Zeneca-SK Bio (Vaxzevria);
Pfizer-BioNTech COVID-19 Vaccine – United States of America;
Pfizer/BioNTech (Comirnaty);
Johnson & Johnson ((COVID-19 Vaccine) Janssen);
Moderna (Spikevax);
Serum Institute of India (Covishield);
Sinopharm BIBP;
Sinovac.



37 – Hungria
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.


38 – Irlanda
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cumpram quarentena de 14 dias em um dos hotéis designados e apresentem resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes da chegada. Estão isentos de fazer isolamento todos os passageiros que já tiverem sido totalmente vacinados com Pfizer-BioNTech há pelo menos 7 dias, com Moderna ou Janssen há pelo menos 14 dias, ou com AstraZeneca há pelo menos 15 dias. O mesmo vale para os que comprovem através de laudo médico que se recuperaram da Covid-19 nos últimos 180 dias com laudo médico.

39 – Islândia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem comprovante de vacinação completa com Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna, CoronaVac e Sinopharm e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque.

40 – Itália
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

41 – Noruega
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

42 – Portugal
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem o teste negativo de COVID-19, para saber quais testes são aceitos, clique aqui.

43 – Reino Unido
Pessoas que tenham partido do Brasil deverão apresentar um formulário preenchido, resultado negativo, em inglês, francês ou espanhol, para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do embarque e cumprir quarentena de 10 dias em um dos hotéis aprovados pelo governo, período no qual serão administrados outros dois testes.

44 – República Tcheca
República Tcheca anunciou que viajantes totalmente vacinados vindos do Brasil podem ingressar no país sem a necessidade de quarentena ou outras restrições.

Para poder entrar na República Tcheca, os passageiros deverão apresentar:

  • Certificado internacional de vacinação completa em inglês com QR code com pelo menos 14 dias desde a última doce, comprovando o uso de uma das quatro vacinas aceitas pela União Europeia;
  • Preencher o “Formulário de chegada” disponível neste link, obtendo o respectivo QR code;
  • Possuir um seguro de viagem com cobertura para tratamento de COVID-19.


45 – Rússia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

46 – Suécia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

47 – Suíça
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que estejam totalmente vacinados com Pfizer, AstraZeneca, Moderna, Janssen, Coronavac e Sinopharm, sem necessidade de apresentar resultado negativo para um teste RT-PCR ou cumprir quarentena.

48 – Turquia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cheguem em voos vindos de outros países e apresentem Travel Entry Form preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes da chegada. Todos os brasileiros estão sujeitos a realizar um novo teste após o desembarque e cumprir quarentena de 14 dias.

49 – Ucrânia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem comprovante de vacinação com Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna, Sinopharm ou Sinovac, resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes da chegada e contratação de um seguro de saúde com cobertura para Covid-19.

ÁFRICA


50 – África do Sul
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido até dois dias antes da chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do primeiro embarque.

51 – Egito
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido na chegada à imigração e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes da saída do embarque para o Egito. Um segundo teste será administrado na chegada (o pagamento de EGP$ 1000 deve ser feito pelo próprio viajante).

52 – Marrocos
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem comprovante da vacinação completa, formulário de saúde preenchido antes da chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 48 horas antes do embarque. Aqueles que ainda não estiverem vacinados deverão cumprir quarentena de 10 dias em hotel designado pelo governo. Um teste RT-PCR será feito no nono dia de confinamento e o isolamento será necessário até que o resultado negativo seja confirmado.

53 – Quênia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido na chegada à imigração e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 96 horas antes do embarque.

54 – Seychelles
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde cumpram quarentena de 14 dias em uma terceira nação com entrada direta liberada. Além disso, é necessário apresentar resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do primeiro embarque e solicitar uma autorização de viagem para saúde antes da partida.

55 – Tanzânia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do primeiro embarque. Todos estão sujeitos a fazer um novo exame de antígeno na chegada, à custa do próprio passageiro.

56 – Tunísia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem um formulário de saúde preenchido pelo menos 24 horas antes da chegada e resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do primeiro embarque. Todos estão sujeitos a fazer um novo exame de antígeno na chegada, à custa do próprio passageiro.

ÁSIA


57 – Camboja
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem resultado negativo, em inglês, para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do primeiro embarque, contratem o seguro da FORTE com pelo menos US$ 50 mil de cobertura e façam um depósito de US$ 2 mil em um banco indicado, para o caso do viajante ter que receber tratamento médico. Todos estão sujeitos a novo teste na chegada e, caso alguém no voo esteja contaminado, os demais serão obrigados a cumprir quarentena de 14 dias.

58 – China
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

59 – Coreia do Sul
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

60 – Emirados Árabes
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que apresentem resultado negativo, em árabe ou inglês, para um teste RT-PCR realizado em um dos laboratórios aprovados no máximo 72 horas antes da chegada e comprovante de contratação de um seguro de saúde com cobertura para Covid-19. Nos desembarques em Dubai, também é necessário criar uma conta no aplicativo DXB Smart e realizar um novo teste na chegada.

61 – Índia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

62 – Indonésia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

63 – Israel
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

64 – Japão
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

65 – Jordânia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem os formulários Passenger Health Declaration Form e Locator Form preenchidos, resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do primeiro embarque e comprovante de contratação de um seguro de saúde com cobertura para Covid-19. Além disso, é necessário baixar o aplicativo AMAN. Todos terão que fazer um novo teste RT-PCR na chegada, à custa do próprio passageiro.

66 – Líbano
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que cumpram quarentena de 4 dias em um hotel aprovado pelo governo, e apresentem o formulário Airport Tracking Registration Form preenchido e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 96 horas antes da chegada. Além disso, é necessário baixar o aplicativo CovidLebTrack e realizar um novo teste na chegada ao país. Passageiros totalmente vacinados há pelo menos 15 dias ou com laudo médico atestando recuperação da Covid-19 há no máximo 90 dias estão isentos de apresentar resultado negativo para a doença.

67 – Maldivas
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem comprovante de reserva em hotel durante toda a estadia no país, formulário Traveller Health Declaration preenchido 24 horas antes do embarque e resultado negativo para um teste RT-PCR realizado no máximo 96 horas antes do primeiro embarque. Se o passageiro fizer conexão com mais de 24 horas de duração, precisará arcar com as custas de um novo teste PCR, realizado no local da conexão, para apresentar na chegada as Maldivas. Viajantes que tenham completado o ciclo vacinal (são aceitas as vacinas Astrazeneca, Coronavac, Janssen, Pfizer e Sputnik) até duas semanas antes da viagem, estão isentos da apresentação do resultado negativo do teste RT-PCR.

68 – Nepal
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

69 – Qatar
Brasileiros estão autorizados a entrar no país desde que apresentem comprovante de vacinação completa há pelo menos duas semanas antes do embarque com Pfizer, AstraZeneca, Janssen ou Moderna, permissão de viagem emitida através do aplicativo Ehteraz e resultado negativo para dois testes RT-PCR: o primeiro realizado no máximo 72 horas antes do embarque e o segundo, na chegada ao Qatar. Além disso, como alguns avisos serão enviados pelo aplicativo, o governo pede que todos os turistas tenham celular com acesso à internet.

70 – Tailândia
Brasileiros estão autorizados a entrar no país a turismo desde que cumpram quarentena de 15 dias e apresentem o Certificate of Entry preenchido, resultado negativo, em inglês, para um teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do primeiro embarque, seguro de viagem com cobertura para Covid-19 de pelo menos US$ 100 mil e comprovante de reserva durante o período de isolamento em um dos hotéis autorizados pelo governo. Além disso, é necessário se cadastrar no aplicativo Thailand Plus usando o número do Certificate of Entry.

71 – Vietnã
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

OCEANIA


72 – Austrália
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

73 – Fiji
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

74 – Nova Zelândia
Brasileiros estão proibidos de entrar no país a turismo.

Fonte: Viagem e Turismo, para ler mais clique aqui.


Assista pelo link abaixo do YouTube uma ligeira apresentação da empresa pela voz de nossa CEO, clique abaixo:




Você também poderá se interessar por:

1 – Para saber mais sobre o visto americano, clique aqui.

2 – Para saber mais sobre o visto canadense, clique aqui.

3 – Como tirar o passaporte brasileiro, clique aqui.

4 – Como funciona o trabalho de assessoria da Mundial Vistos, clique aqui.

5 – Certificado de vacinação internacional contra a febre-amarela (CIVP). Descubra como emiti-lo, clique aqui.

6 – Caso tenha qualquer dúvida e deseja falar conosco, agende uma primeira consulta gratuitamente: clique aqui e agende grátis a primeira consulta com a Mundial Vistos.


* Conteúdos GRATUITOS da Mundial Vistos, clique aqui.