Pelo Mundo
VENEZUELA

O Brasileiro poderá entrar no País com a cédula de identidade (RG emitido pela SSP do seu Estado, com no máximo 10 anos de emissão e em ótimo estado de conservação), ou o passaporte com validade mínima de seis meses da data de início da viagem. A Mundial Vistos recomenda sempre o uso do passaporte para viagens internacionais.

Certificado internacional de vacina contra febre amarela é obrigatório.

 

Sobre o Tratado Mercosul (devo viajar com o meu RG?):

É importante saber que carteira de motorista ou carteira funcional não tem a mesma validade que a carteira de identidade (RG). Na hora de viajar pelo Mercosul, só vale o RG original! Uma vantagem do acordo que reconhece a validade do documento de identidade em países do Mercosul é que você pode apresentar o passaporte no aeroporto e, ao chegar ao País, poderá guardá-lo e transitar apenas com o documento de identidade caso precise durante o seu passeio turístico.

É IMPORTANTE ressaltar que embora seja permitido conhecer os países integrantes e associados do Mercosul apenas com o documento de identidade, ele é mais questionável que um passaporte dentro do seu prazo de validade. Afinal, as leis desse acordo são mais rigorosas com data de emissão, foto, assinatura e conservação do documento.

Conheça mais sobre o tratado Mercosul acessando o link oficial do Governo Brasileiro: http://www.brasil.gov.br/turismo/2012/04/mercosul-com-rg

 

 

Todas as nacionalidades necessitam de visto para viagens a negócios.

• Passaporte com validade mínima de 06 meses. 
• 02 Fotos 3x4 recentes. 
• Formulário de solicitação de visto original, preenchido e assinado. 
• Cópia da carteira de identidade ou rne (se estrangeiro). 
• Certificado de vacina de febre amarela internacional. 
• Cópia de comprovante de residência. 
• Carta original da empresa em papel timbrado, especificando o cargo, motivo da tempo de permanência, nome e endereço da empresa ou pessoa que visitará na Venezuela. 
• Cópia do cnpj da empresa onde trabalha.

Atenção: o estrangeiro com visto de negócios, ao deixar a Venezuela, deverá apresentar uma declaração de renda, informando à administração da fazenda todos os ganhos e/ou perdas realizados no País, de acordo com o artigo 73 da “leyde reforma e la ley de impouesto sobre la renda de Venezuela”. 

•  O selo fiscal (timbre fiscal), deverá ser solicitado no “ministério do interior e justiça - dex”, na av. Urdaneta, esquina de Carmelitas, Caracas. 

• Prazo: 7 dias úteis.