Pelo Mundo
TRINDADE E TOBAGO

Brasileiro não precisa de visto até 90 dias de permanência.

Certificado internacional de vacina contra febre amarela.

 

Informações Especiais

Paciência e atenção redobrada são necessárias ao atravessar ruas ou dirigir veículos, pois a mão é a inglesa (volantes à direita, veículos à esquerda nas ruas). Há um nível de tráfego considerável. Também é significativo o número de carros antigos. Deve-se atentar para o fato de que a cultura de Trinidad e Tobago, no trânsito, é ligeiramente diferente daquela do Brasil. Recomenda-se que os motoristas redobrem a atenção e procurem observar os hábitos dos habitantes locais ao dirigir. 

O sistema de táxi local também difere daquele ao qual os brasileiros estão acostumados. A prática local é o taxi compartido, ou seja, o transporte de diversos passageiros em um único veículo de aluguel, reconhecível pela letra inicial da placa (H, de “hire”, em inglês). Em lugar de ônibus ou lotações, o transporte popular é feito em vans identificadas como “maxi táxis”.

A culinária de Trinidad e Tobago é muito rica, em razão da influência africana, chinesa e indiana. É consideravelmente apimentada. É prudente conhecer a quantidade de condimentos postos nos pratos antes de iniciar a sua degustação.